quarta-feira, 28 de outubro de 2009

...



Na Foto:Camila Gatis(poema decicado a mesma)
-


Tecidos

Dos tecidos,aos céus
comovendo os deuses
numa eternidade sem véu
atenta e breve as vezes.

A constelação de Cepheus
embrandece ao te receber;
Cassiopéia dos olhos de fel
inveja-te a beleza ao anoitecer.

porque és belamente
livre,sem rumo,e sempre
entrelaçada a sacudir.

és uma estrela cadente
que a gente sente
que nunca vai cair.

Por Emerson Sarmento.

Um comentário:

Me Morte disse...

merecida homenagem...